top of page

Blog Cellpreserve

topomail.png

Cadastre-se e participe da nossa jornada!

Quer saber mais sobre Células-Tronco ou exames? 

5 dicas para estimular a independência do seu filho


Cá entre nós, sabemos que a maternidade não é sempre um mar de rosas, não é mesmo? A gente morre de preocupação o tempo todo e, se pudéssemos, nossos filhos ficariam debaixo das nossas asas a vida toda. Tudo bem, tudo bem… pode admitir. No entanto, como a famosa máxima já diz: “devemos criar nossos filhos para o mundo”.


Afinal, mais que protegê-los, queremos lançar eles para o sucesso e garantir o melhor que a vida tem a oferecer, certo? Pois então, hoje vamos falar de pequenas atitudes que você, mamãe, pode tomar desde a infância dos pequenos para prepará-los para o grande desafio que é uma vida de responsabilidades.


Isso mesmo! Estimular a independência dos filhos desde pequenos ajuda - e muito - no desenrolar da juventude e, por fim, na vida adulta também. Vamos às dicas então?


  • Permita que eles ajudem nas tarefas de casa

Todo mundo tem seus afazeres em casa, certo? Incluir as crianças nessa rotina é uma forma super eficiente de estimular a independência delas! Pode não ser a ideia mais divertida do mundo pra eles no início, mas ajudar em pequenas tarefas logo mostra para os pequenos que um lar se constrói com parceria e ajuda mútua!


Comece com tarefas simples, como guardar os brinquedos ou colocar as roupas no cesto ao se trocarem. Uma dica muito bacana também é ter um quadro de tarefas exposto em algum lugar que todos tenham acesso para ver, como num quadro. Falando em acesso...


  • Ofereça espaços de fácil acesso

Como vai ser possível eles auxiliarem na organização do quarto de brinquedos ou de outros cômodos se não há espaços que dê para alcançar? Deixe caixas organizadoras em um espaço que seu filho ou filha possa manusear sem dificuldades e isso irá estabelecer confiança em fazer parte do ambiente de casa!



  • A liberdade demanda responsabilidade

Impor limites sempre é importante, mas pode ser um pouco difícil, pois nenhuma mãe gosta de ver seus filhos tristes com uma resposta negativa. No entanto, é importante e necessário estabelecer os “nãos” quando preciso.


Ensinar a criança sobre maturidade e idade começa com esses limites, e também cria um senso de que obrigações vêm antes de diversão, embora as duas possam andar bem juntinhas!


  • Errar é comum, viu?

Se frustrar faz parte do crescimento, e isso vem com os erros que cometemos. Errar é normal, e essa é a hora de explicar que cometer erros não torna a criança incapaz de atingir suas metas, sejam elas quais forem.


Dialogar com calma, ouvir as reclamações sobre o erro e incentivar novas tentativas são essenciais para que ele ou ela entendam que é apenas questão de tentar novamente.


  • Incentive-os a conhecer atividades prazerosas - para eles

O que você mais gosta de fazer, mamãe? Dança, teatro, escrever… ou até mesmo aprender sobre o futuro da ciência? Seja por hobby ou uma possível profissão no futuro, é muito importante e divertido mostrar para os pequenos que existem vários tipos de esporte, artes e conteúdos para se experimentar e consumir. Afinal, é experimentando que sabemos o que funciona ou não para nós.


Além de apresentar diferentes possibilidades para o pequeno, esse é um ótimo exercício para a formação da personalidade dele, uma vez que sua formação é individual. Mal podemos esperar para conhecer os gostos deles!


E aí mamãe, você já pratica essas dicas no seu dia-a-dia? Conta pra gente!


10 visualizações
Nipt.png

NIPT

pré-natal

não invasivo

O cuidado com a 
saúde do bebê,
começa na gravidez

parto_chegando_vrt.jpg

Agendamentos
contatos e informações sobre células-tronco e exames.

atende
Selecione uma opção:

Contato recebido.
Em breve você receberá o retorno de nossa equipe.

bottom of page