Blog Cellpreserve

topomail.png

Cadastre-se e participe da nossa jornada!

Já ouvir falar de Diabetes Gestacional?

Durante a gestação, algumas adaptações na produção de hormônios ocorrem para permitir o melhor desenvolvimento do seu bebê. A placenta é uma fonte importante de hormônios que reduzem a produção de insulina, responsável por captar e utilizar a glicose no corpo. Durante a gravidez, para compensar esta ação, o pâncreas, consequentemente, aumenta a produção de insulina.


Em algumas mulheres este mecanismo falha fazendo com que ela desenvolva um caso de diabetes gestacional, caracterizado pelo aumento do nível de glicose no sangue.

Quais os perigos?

Quando exposto a grandes quantidades de glicose há maior risco de crescimento fetal excessivo (macrossomia fetal), partos traumáticos, hipoglicemia neonatal e até de obesidade e diabetes na vida adulta.


Alguns fatores de risco


• Idade materna mais avançada;

• Sobrepeso ou obesidade durante a gestação;

• Síndrome dos ovários policísticos;

• Histórico familiar;

• Hipertensão arterial sistêmica na gestação;

• Gestação múltipla (gravidez de gêmeos).


Como tratar?

Em geral, a presença de sintomas não é comum. Por isso, recomenda-se que os exames estejam sempre em dia. Na maioria das vezes, o controle é feito a orientação nutricional adequada e a prática de exercícios físicos. Mas lembre-se: converse sempre com o seu médico sobre o melhor tratamento voltado para suas necessidades.

21 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
Nipt.png

NIPT

pré-natal

não invasivo

O cuidado com a 
saúde do bebê,
começa na gravidez